"Então é Natal. E o que você fez? O ano termina e nasce outra vez".

Lição moral bastante atual

Lição moral bastante atual

Missão

Nossa missão: Dar vazão às mentes e às vozes que querem questionar e repensar o Brasil de uma maneira distinta, objetiva e imparcial.
O Profeta diz a todos: "eu vos trago a verdade", enquanto o poeta, mais humildemente, se limita a dizer a cada um: "eu te trago a minha verdade."

Mario Quintana

Display

Smart City Laguna

Smart City Laguna
A primeira cidade inteligente e inclusiva do mundo. Para saber mais, clique na imagem.

Wikipedia

Resultados da pesquisa

Translate us (traduza-nos)

Pesquisar neste blog

Inscreva-se e siga nossa newsletter

sexta-feira, 27 de julho de 2018

Fim de papo?!



                                A Copa acabou, há algumas semanas. É a vida que segue. Mas, antes de dar por encerrado o assunto, temos mais algumas colocações finais a apresentar. Na verdade, o brasileiro não vai parar de conversar sobre futebol, só porque não venceu mais uma copa. O brasileiro não desiste nunca. Quiçá você goste de futebol, porque futebol é arte, futebol é movimento e futebol é vida. Você gosta de futebol, mas não gosta de Copa do Mundo. Na verdade, a Copa não é do mundo, porque nem todas as nações são representadas lá. O mundo quase todo fica fora dela, onde só participam aquelas seleções supostamente melhores. Encontros assim só acontecem a cada quatro anos, e quatro anos é muito tempo. Muita coisa muda em quatro anos. Esses encontros duram apenas um mês, e nem todos os participantes jogam até o fim. Chega uma hora que a disputa esfria e fica sem graçaSe o Brasileirão ainda fosse no formato antigo e parecido com o da Copa, talvez o seu time não tivesse mais chances de se sustentar na competição.

domingo, 22 de julho de 2018

Máculas



                         A cidade de Itapajé (CE), cerca de 120 km de Fortaleza, já estava escandalizada e maculada por causa de denúncias de fraudes na educação pública municipal, que faziam com que o município ficasse artificialmente melhor cotado, nas avaliações do Ministério da Educação. Como se não bastasse, surgiram denúncias de que crianças que estudam numa escola particular administrada pela diocese católica local teriam sofrido violência sexual. Os autores diretos dos crimes já se encontram detidos, mas as autoridades acreditam que haja mais gente envolvida. A administração da instituição está sendo acusada de negligência ou de conivência com os delitos. Coincidência ou não, o delegado que iniciou as investigações teria sido transferido, sem maiores esclarecimentos.

domingo, 15 de julho de 2018

A banda se foi... mas pode voltar



                         A Copa do Mundo se foi, mas ela nos deixou alguns ensinamentos. Aprendemos com ela, por exemplo, que o risco que corre o pau corre o machado. Sem treino, sem estudo, sem perspicácia, sem renúncias e sem humildade, não se chega a lugar algum. Para quem quer disputar uma competição qualquer, é fundamental conhecer os próprios pontos fracos, e tentar corrigi-los, dentro do possível, para, em seguida, estudar e explorar os pontos fracos dos adversários. O desempenho da Seleção Brasileira, como você viu, não inspirou tanta confiança e não surtiu os resultados desejados. Portanto, devemos reconhecer que, infelizmente, nossa seleção não teria know-how suficiente para passar por seleções como aquelas que chegaram às finais. 

sexta-feira, 13 de julho de 2018

Devaneando por mundos paralelos



                         A Copa do Mundo, que se esvai, mais uma vez, pode ser comparada com os tradicionais concursos vestibulares que eram ou ainda são realizados por instituições de ensino superior. Tomemos como exemplo os exames vestibulares da Universidade Federal do Ceará (UFC), que deixaram de ser aplicados, em 2010, quando a instituição passou a basear seus processos de admissão de novos alunos para a maioria dos cursos de graduação nas notas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Na verdade, a corrida pelas vagas naqueles cursos, seja por vestibular ou por ENEM, já começa antes mesmo de o árbitro autorizar o bater o centro de campo, e já são eliminados de pronto aqueles que não são pontuais, na chegada aos locais das provas.

segunda-feira, 9 de julho de 2018

LUTO... por uma vida melhor



                     Por esses dias, percebe-se que o Brasil está de luto, assim como o devem estar outras nações que têm o futebol encrustado na alma, que investem pesado no futebol, na esperança de obter destaque no cenário internacional, onde a maioria dos cidadãos se entusiasma com o futebol, ao ponto de parar tudo que está fazendo, só para ver a bola rolar entre as quatro linhas, e onde muito se investe em carreiras profissionais no futebol, na esperança de ascensão social. Talvez você nem seja tão fanático por futebol como seus conterrâneos, mas dá para entender perfeitamente essa depressão, porque o clima de Copa do Mundo contamina praticamente todo mundo, de alguma forma. Por isso, não culpo você de todo, caso tenha se sentido diferente e estranho, após mais aquela quimera. Até parece que, de repente, a vida perdeu seus tons de cores habituais. Percebeu que, naquele dia, até o céu escureceu mais cedo que o habitual???

quinta-feira, 5 de julho de 2018

Sigam o líder



                        Na cidade de Sobral(CE), duas emissoras de rádio, que são rainhas em terra de gente cega, correm o risco de ter seus estúdios arbitrariamente desapropriados pela prefeitura local, sob o pretexto de realização de obras de melhoramento urbano. Essas emissoras estão entre os poucos meios de comunicação que se atrevem a criticar as atitudes de membros ligados à facção política que controla a cidade e o Estado, sendo que uma delas seria de propriedade de um deputado federal que foi candidato à prefeito pela oposição. Lamentavelmente, esse ato de violência infame contra a liberdade de imprensa teve pouca repercussão em nosso meio, onde a imparcialidade da imprensa é questionável, e demonstra ares de retaliação, depois que membros do partido da situação teriam sido proibidos de construir imóveis de alto padrão, numa área de proteção ambiental, próxima à cidade.

domingo, 1 de julho de 2018

A voz das ruas



                         No último dia 26, foram lembrados os cinquenta anos da histórica Passeata dos Cem Mil, que consistiu numa multidão que tomou as ruas do centro do Rio de Janeiro, para protestar contra as arbitrariedades do governo da época. Aquele foi considerado o maior ato público e pacífico da sociedade civil, naqueles anos ditos de chumbo. Ele não conseguiu frear a repressão, mas serviu para marcar a insatisfação com os rumos pelos quais o país estava sendo dirigido. Aquela passeata foi convocada de maneira extraoficial, pelo velho boca a boca, fora dos meios de comunicação da época, que eram intensivamente monitorados pelo governo

A todos que passarem por aqui desejamos um Feliz Natal, que seja também pleno de seu sentido verdadeiro, e um 2020 de bênçãos plenas.