Bem-vindo ao verão 2017

Bem-vindo ao verão 2017
Seja muito bem vindo(a) ao verão 2017
O Profeta diz a todos: "eu vos trago a verdade", enquanto o poeta, mais humildemente, se limita a dizer a cada um: "eu te trago a minha verdade."

Mario Quintana

Editorial

Embora o Brasil não esteja em uma boa fase de sua história e não esteja sendo bem administrado, retroceder ao passado, principalmente àquele passado mais remoto e sem resultados satisfatórios para a coletividade, não é a solução.

Uma geração acreditou que, quando a oposição chegasse ao poder, finalmente, sentir-se-ia representada. Votou em um candidato à presidente que caiu e se levantou, algumas vezes, mas agora já não sabe mais em quem confiar, porque não há mais representações legítimas, para os trabalhadores e os estudantes. Existem apenas partidos para representar seus próprios interesses ou defender os privilégios de seus aliados diretos.

Dar vazão às mentes e às vozes que querem questionar e repensar o Brasil de uma maneira distinta, objetiva e imparcial. É para isto que estamos aqui.

Display

Pesquisar neste blog

Carregando...

Inscreva-se e siga nossa newsletter

Translate us (traduza-nos)

domingo, 15 de janeiro de 2017

Travessia cruel



"Mau é realmente o homem que não tem urna mulher para chorá-lo".

                  A frase acima foi extraída da fala do personagem Watson, auxiliar do lendário detetive inglês Sherlock Holmes, em mais um de seus casos, que é narrado na obra O Cão dos Baskervilles, que emite essa sentença, ao observar o pesar de uma mulher diante da morte de seu irmão, um presidiário foragido. Ele quis dizer que, se alguém foi capaz de lamentar pela morte de um suposto malfeitor fora da lei, é porque ele devia ter algo de bom em si e ter feito algo de bom por alguém ou porque, simplesmente, contava com o amor incondicional de alguém.

segunda-feira, 2 de janeiro de 2017

Conto de fadas vermelho



                  Apesar do recentemente findado clima festivo de fim de ano e da referência ao vermelho, não vimos aqui tratar de um conto natalino ou de um conto de fadasVimos aproveitar a morte recente de Fidel Castro, que foi presidente quase vitalício de Cuba, por quase cinquenta anos, para questionar porque ideais comunistas como, por exemplo, fim da propriedade privada, da diferença entre classes sociais e do Estado, ainda parecem fascinar tanto.

domingo, 1 de janeiro de 2017

Um novo rio que corre



                  Seja bem vindo ou bem vinda a mais um ano que adentramos. A paz do Nosso Senhor Jesus Cristo esteja com você. Poderíamos tecer alguns comentários sobre estas festas de transferência de ano, mas já expusemos extensamente nossas opiniões sobre o assunto, ao longo de quase cinco anos de blogosfera, em algumas postagens, como as seguintes, por exemplo: http://jardimdasgarrafasdigitais.blogspot.com.br/2014/12/365-talentos.html#.WGAPjn3J3MK, http://jardimdasgarrafasdigitais.blogspot.com.br/2015/12/o-presente-do-presente.html#.WGAPln3J3ML, http://jardimdasgarrafasdigitais.blogspot.com.br/2012/12/o-preco-do-amanha-3.html#more, http://jardimdasgarrafasdigitais.blogspot.com.br/2012/12/para-ler-e-pensar-5.html#more, http://jardimdasgarrafasdigitais.blogspot.com.br/2012/12/o-preco-do-amanha-2.html#more. 

sábado, 31 de dezembro de 2016

São Silvestre



                  Enfim, chegamos, mais uma vez, ao último dia de mais um ano vencido, dia marcado pela tradicionalíssima maratona de São Silvestre, que reúne atletas profissionais e amadores de diversas partes do mundo. Podemos fazer uma analogia desta corrida com as nossas eleições. Se você tiver oportunidade de acompanhar a prova pela TV ou presencialmente e reparar bem, há de notar que, em princípio, não parece tanto um evento tão profissional assim. Parece mais um encontro festivo ou uma feira.