Tire o pé do acelerador e redimensione sua vida.

Tire o pé do acelerador e redimensione sua vida.
Tire o pé do acelerador e redimensione sua vida.
O Profeta diz a todos: "eu vos trago a verdade", enquanto o poeta, mais humildemente, se limita a dizer a cada um: "eu te trago a minha verdade."

Mario Quintana

Editorial

Embora o Brasil não esteja em uma boa fase de sua história e não esteja sendo bem administrado, retroceder ao passado, principalmente àquele passado mais remoto e sem resultados satisfatórios para a coletividade, não é a solução.

Uma geração acreditou que, quando a oposição chegasse ao poder, finalmente, sentir-se-ia representada. Votou em um candidato à presidente que caiu e se levantou, algumas vezes, mas agora já não sabe mais em quem confiar, porque não há mais representações legítimas, para os trabalhadores e os estudantes. Existem apenas partidos para representar seus próprios interesses ou defender os privilégios de seus aliados diretos.

Dar vazão às mentes e às vozes que querem questionar e repensar o Brasil de uma maneira distinta, objetiva e imparcial. É para isto que estamos aqui.

Display

Pesquisar neste blog

Inscreva-se e siga nossa newsletter

Translate us (traduza-nos)

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Passando a vida a limpo


                  Neste começo de mais uma semana, de mais um mês e, para alguns, de mais um ciclo de vida, esperamos que este novo período seja efetivamente diferente dos anteriores, lhe sendo mais proveitoso, para que, ao final, você perceba que deu pelo menos alguns passos adiante na vida. Se você está trocando seu calendário, por exemplo, pare um pouco e reflita sobre as experiências pelas quais passou até agora, para poder planejar melhor seu futuro, mas evite os ressentimentos e os saudosismos. Você que já acompanha este blog, há algum tempo, já deve ter se sentido instigado a passar sua vida a limpo. Com o intuito de ajudá-lo, propomos-lhe, a seguir, alguns tópicos para reflexão.


                  Quiçá você tenha lutado muito para chegar aonde chegou, mas, uma vez que obteve êxito, parece estar acomodado ou perdido e sem saber para onde seguir ou o que fazer.


                  Quiçá você tenha passado por fases de altos-e-baixos em sua vida, fases em que andava e parava alternadamente, por vezes empacando como uma mula.  


                  Quiçá ainda não tenha aprendido a utilizar adequadamente as riquezas conquistadas ao longo da vida, como o tempo, por exemplo. 

                  Quiçá não esteja aproveitando bem suas passagens pelos lugares por onde tem passado, para obter o máximo possível de aprendizados e estabelecer o máximo possível de relações amistosas, para, assim, poder crescer, em todos os sentidos, principalmente no campo espiritual. Se você conseguisse cumprir essa meta, você conseguiria superar melhor cada fase de sua vida com a sensação plena do dever cumprido, ao contrário daquela sensação de ter passado passivamente por aquelas fases, como se fosse um espectador da própria vida, e depois ficar se perguntando algo como "meu Deus, como foi que eu consegui?". 

                  Quiçá tenha se sentido desmotivado a participar mais de sua história de vida e a estabelecer mais vínculos nos lugares onde esteve, ou por não se sentir devidamente acolhido nas terras por onde andou ou por estar ciente de que estava apenas de passagem.


                  Quiçá você também tenha pecado por não ter aproveitado os ventos para dispor as velas de seu barco e seguir na direção em que eles sopravam. Ou podia ainda ter remado. Na verdade, você até que remou bastante, mas contra a maré. Perdeu muito de seu tempo brigando contra o mundo ou contra moinhos de vento. Pode até não ser o seu estilo andar pelas cabeças dos outros como piolho, mas, lembre-se de que, em terra de sapo, sabe como é, né???

                  Quiçá ainda esteja se sentindo em dívida com alguém que não vê há anos ou com algo que também deixou para trás, ou pelo menos tentou, como uma fase de sua vida que ainda não conseguiu superar completamente, como sua adolescência, por exemplo, ou alguma outra fase mais recente que ainda esteja em aberto, porque ainda não foi formalmente finalizada, mas que só depende de uma atitude sua.


                   Quiçá, por conta de um problema mal resolvido no passado, você tenha sentido vontade de voltar no tempo, para passar sua vida a limpo, fazendo tudo diferente e reescrevendo sua história, sem deixar de guardar o que havia de melhor na sua história antiga, trazendo os melhores itens colecionados para o presente, a fim de dar mais cor e luz, para enriquecer seus novos texto e vida.


                  Consegue ser um pouco mais compreensivo, continente e tolerante com seu semelhante??? Consegue fazer algo melhor por ele??? Consegue abrir mais seu coração e ser mais compassivo??? Embora tenha se sentido cada vez mais desmotivado e esgotado por trabalhar pelos seres humanos, tendo perdido cada vez mais o amor e a fé na humanidade, você precisa começar a exercitar mais a prática da compreensão, da compaixão, da continência e da tolerância. Estresses nas relações entre seres humanos são inevitáveis. Onde dois ou mais estiverem, eles também lá estarão. Por essas e outras, parece impossível viver numa grande metrópole, como se os outros não existissem. Então, respire fundo para superar os estresses, como se fosse caminhar sobre brasas.

                  Consegue valorizar as pessoas que conheceu, considerando que, embora nenhuma delas seja completamente insubstituível, cada uma delas é um exemplar único de si própria e nenhuma delas é completamente descartável??? Lembre-se de jamais usar as pessoas para satisfazer interesses pessoais, temporários e escusos.


                  Última pergunta: você conhece algo porque valha a pena sacrificar a vida que não seja tão nobre quanto o amor, algo que não devemos deixar de tentar retratar, quando a ele nos referimos??? Se estiver em busca de algo que não se encaixe nesse quesito, então sua busca é perda de tempo. Desista logo.

                  Não precisa dar de imediato respostas definitivas para as perguntas acima, pois você ainda deve estar se analisando e se descobrindo, qualquer que seja sua idade.


                  Lembre-se de que sua vida ainda tem jeito e de não desistir da busca pelo novo. Esperamos que tenha acordado hoje mais disposto e determinado a tornar este dia diferente dos anteriores e os dias que se seguem igualmente diferentes, para fazer a diferença em sua própria vida, daqui por diante. Lembre-se também de que só depende de você sair dessa mesmice. Você já tem os instrumentos necessários para isso.

                   Você deve, por exemplo, tentar manter alguma regularidade em sua vida. Quando iniciar um projeto, deve se esforçar para executar suas etapas periódica e sistematicamente.


                  Desejamos-lhe um bom dia, uma boa semana e um bom mês de festas juninas, sob as bênçãos de São João, Santo Antônio e São Pedro, principais padroeiros do mês, cujas bênçãos serão voltadas principalmente para aqueles que completam as voltas da vida este mês.






### ### ### ###




Nenhum comentário:

Postar um comentário