Viva São João!!!

Viva São João!!!
Felizes Festas Juninas.
O Profeta diz a todos: "eu vos trago a verdade", enquanto o poeta, mais humildemente, se limita a dizer a cada um: "eu te trago a minha verdade."

Mario Quintana

Editorial

Embora o Brasil não esteja em uma boa fase de sua história e não esteja sendo bem administrado, retroceder ao passado, principalmente àquele passado mais remoto e sem resultados satisfatórios para a coletividade, não é a solução.

Uma geração acreditou que, quando a oposição chegasse ao poder, finalmente, sentir-se-ia representada. Votou em um candidato à presidente que caiu e se levantou, algumas vezes, mas agora já não sabe mais em quem confiar, porque não há mais representações legítimas, para os trabalhadores e os estudantes. Existem apenas partidos para representar seus próprios interesses ou defender os privilégios de seus aliados diretos.

Dar vazão às mentes e às vozes que querem questionar e repensar o Brasil de uma maneira distinta, objetiva e imparcial. É para isto que estamos aqui.

Display

Pesquisar neste blog

Inscreva-se e siga nossa newsletter

Translate us (traduza-nos)

domingo, 1 de novembro de 2015

O que é ser criança???


                      Com o apagar das luzes de outubro, um mês dedicado também às crianças, cabe aqui uma breve reflexão sobre o lado infantil de cada pessoa. Porque dentro de cada um, ainda vive aquele menino ou aquela menina que sempre sonhou em viajar, conquistar o mundo e talvez mudá-lo, e que, por vezes, o menino ou a menina ainda se expressa, de acordo com o contexto e com o bom senso.


                      Por vezes, a imagem da criança que reside em você persiste de uma maneira meio que distorcida nos olhos da opinião pública, determinando a forma como o mundo o vê. Porque uma coisa é vê-lo como uma criança grande, por brincadeira e esporadicamente. Outra coisa é vê-lo sempre da mesma forma, em todas as circunstâncias, e procurar humilhá-lo. 
                      Ainda que você tenha chegado aonde chegou e conquistado o que conquistou, parecem insistir em subestimá-lo, como se você não servisse para a sociedade, especialmente para as mulheres que não o veem como um homem, a não ser como um "enfeite", um " apadrinhado" ou algo assim, como se, no dia em que fosse apenas mais uma foto na estante da sala, ninguém sentisse sua falta, comparando-o com um Benjamin Button, fazendo o caminho inverso na vida, ou com um Forrest Gump, que é bom demais e acredita em tudo que lhe dizem, ao pé da letra.


                      Independentemente de a sociedade aceitar alguém como um adulto capaz e produtivo ou não, o maior problema de ser criança em nossos dias reside no fato de as crianças receberem muitas informações do meio e não conseguirem processá-las adequadamente. Sempre disseram que as crianças são o futuro da nação, mas que futuro é este??? 
                      Quiçá o maior problema da humanidade inteira seja o fato de que as gerações subsequentes adquirem experiências, conhecimentos, valores e habilidades de seus antecessores ou mesmo de seus contemporâneos mais experientes, mas, ao invés de processar tais elementos e de usá-los para o bem, estão optando por reforçar a mediocridade, dentre outros defeitos, transformando o mundo num lugar cada vez pior para se viver.


                      Separemos os homens dos meninos, dentro de nós mesmos, inicialmente, tendo em mente que, como dizia Forrest Gump, idiota é quem faz idiotice. Sai de cena outubro, um mês mais infantil e também mais feminino, dando lugar à novembro, um mês mais másculo.
                      Tenha um bom domingo e um bom feriado.








Nenhum comentário:

Postar um comentário